SUBIR
Para melhor visualização desse site, é necessário que você atualize seu navegador:
Seu navegador não é atualizado há muitos anos, vários sites não funcionam corretamente sendo necessário a atualização.

logo Sinpro-es

  • O Sinpro
  • Convênios
  • Seus Direitos
  • Para Você
  • Central de Mídia

Página Inicial Meu Cadastro Fale Conosco Nossa págiona no Facebook Siga-nos no Twitter



Valorização do professor

Um questionamento que incita especialistas do mundo todo há décadas e aos poucos vai ganhando respostas científicas: “Como valorizar o professor?”. Se a pergunta for feita a um profissional da docência brasileira, as respostas serão variadas, desde propiciar a eles plano de cargos e salários, melhoria salarial, investimento em formação continuada, até respeitar os limites entre educação escolar e educação familiar.

 

E para sair do campo do achismo, especialistas da consultoria internacional McKinsey & Company decidiram fazer um estudo baseado na pergunta “Como os Sistemas Escolares de Melhor Desempenho do Mundo Chegaram ao Topo?”. A avaliação reúne países que implantaram projetos para transformar a vida de professores e alunos.


O estudo apontou que a qualidade do sistema educacional não pode ser maior do que a qualidade de seus professores. Na Coreia do Sul isso foi identificado e serviu como base e justificativa para aperfeiçoar o curso superior de Pedagogia, que foi remodelado e deixado mais instrumental.


Já nos Estados Unidos, para saber se realmente havia diferença no processo ensino-aprendizagem, escolas compararam durante um semestre dois alunos, ambos tinham percentual de aprendizagem 50. E o resultado foi assustador: aquele que foi acompanhado por um professor de alta qualidade alcançou 90%, enquanto o segundo, com professor de baixo desempenho, ficou com 37%, o que comprovou que a qualidade dos professores afeta sim os estudantes mais do que qualquer outro fator.

 

Enquanto isso, na Finlândia foram implantados sistemas de alto desempenho para dificultar o ingresso de qualquer estudante na carreira de magistério. As universidades exigem que os candidatos estejam entre os 10% melhores de sua faixa etária. Além disso, eles são submetidos a entrevistas em formato de aulas, para que pudessem comprovar a aptidão em lecionar.

 

Exemplos como estes é que precisam inspirar o Brasil e evitar que a decisão ou o sonho de ser professor se transforme em martírio. À procura de estudantes interessados na carreira de magistério só decai em função do descaso, da baixa autoestima profissional. Estima-se que o déficit de professores formados nos cursos de licenciaturas esteja na casa de 1 milhão. O Brasil está à beira de um apagão educacional.


No Estado, o Sindicato dos Professores (Sinpro/ES) tem trabalhado para mudar esse cenário, buscando uma nova Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), além de trabalhar diariamente com o departamento jurídico para garantir que os direitos adquiridos pela categoria sejam respeitados. Tudo isso como forma de reconhecer a importância dos educadores e trazer de volta aqueles que um dia sonharam com a profissão, para que eles deixem de enxergar a profissão como sinônimo de desperdício de tempo e estudo.


 Jonas Rodrigues de Paula, presidente do Sindicato dos Professores do Estado (Sinpro/ES)


 

Seja o primeiro a comentar!

       


Visitas:300

 

Serviços

sindicalização Online Guia de Contribuição Agenda de Homologação Sinpro-ES



Agendamento Jurídico Sinpro-ES


 

Informativo Online

Filiado a CTB Filiado a Contee

 



Valorização do professor - Sindicato dos Professores do Espírito Santo
 


 

Vitória

Linhares

Cachoeiro
de Itapemirim

Colatina

Sinpro-es Vitória

Sinpro-es Linhares

Sinpro-ES Cachoeiro

subsede colatina



SEDE: Rua Ulisses Sarmento, 24 – salas 301 a 309 – Ed. Leon Trade Center, Praia do Suá - Vitória/ES,Cep: 29052-320 | (27) 3315-5125 / 98156-8884
SUBSEDE NORTE: Avenida Comendador Rafael, nº 1.245, Sl. 204, Edifício Gezel, Centro, Linhares/ES, Cep: 29900-053| (27) 3371-0129 / 98174-8990
SUBSEDE SUL: Rua Prof. Quintiliano de Azevedo, 31, sala 408, Centro Empresarial Guandú - Cachoeiro de Itapemirim/ES, Cep: 29300-195 | (28) 3511-1203 / 98112-6345
SUBSEDE NOROESTE: Av. Getúlio Vargas, 500, sala 404, Colatina Shopping, Centro - Colatina/ES, Cep: 29700-010 | (27) 3120-2500